Comunicação é chave para marca empregadora

Relacionamento com colaboradores impacta na reputação das empresas

Redação Reputation Feed

Uma marca empregadora impacta diretamente na reputação e nos resultados da empresa – Foto: Shutterstock

Uma marca empregadora fortalece a reputação da organização, reduz custos para a atração e a retenção de talentos, promove mais engajamento dos colaboradores e impacta diretamente nos resultados da empresa. Tornar-se uma marca empregadora ou se consolidar como uma exige estratégia e disciplina. Um desses esforços é o uso da comunicação para se conectar com os funcionários, conforme trata em artigo Benjamin Laker, professor de liderança na Henley Business School, da Universidade de Reading, na Grã-Bretanha.

De acordo com ele, as empresas devem se concentrar não somente em encontrar os melhores candidatos como estimular interações positivas com os colaboradores em todas as fases da relação de emprego. “A comunicação é a chave para criar essas conexões com sucesso”, afirma, em coluna publicada no site da MIT Sloan Management Review. “A forma como os líderes se comunicam com potenciais funcionários e com os atuais pode impactar significativamente a reputação como um local onde as pessoas quererem trabalhar”, acrescenta o professor. Isso porque, explica, ter uma cultura que incorpore uma comunicação transparente e aberta é essencial para a construção de relações leais e de confiança.

No artigo intitulado Comunicação no centro das relações positivas com empregados, Laker destaca ainda que colaboradores com habilidade de comunicação são:

  • Mais eficientes, pois conseguem expressar pensamentos e emoções com clareza;
  • Mais preparados para desenvolver discussões ou negociações com clientes e colegas de trabalho, pela capacidade de ouvir com atenção, dar feedbacks precisos e de resolver conflitos;
  • Mais leais com a organização e integrados à cultura da empresa, criando um ambiente mais colaborativo.

Importante ferramenta para atrair e reter talentos, a comunicação também desempenha papel fundamental nos processos de desligamento. A maneira como as empresas lidam com as demissões, alerta Laker, também pode representar um impacto profundo na sua reputação e no moral dos colaboradores.

Nesse momento, a comunicação tem de ser clara, honesta e oportuna. Ou seja, os funcionários afetados têm de ser avisados com antecedência, e as razões que levaram ao desligamento devem ser explicadas com clareza. Além disso, a empresa deve oferecer apoio aos demitidos. “Ao tratar os colaboradores com respeito e empatia, as empresas podem minimizar os impactos negativos e manter uma reputação positiva”, reforça.

. Clique aqui para conferir o texto integral (em inglês)


ENQUETE

As enchentes no Rio Grande do Sul tiveram algum impacto na imagem da sua empresa a ponto de levá-la a promover mudanças na gestão de reputação?

PUBLICAÇÕES RELACIONADAS

“Reputação você constrói fazendo, mas também falando
Entrevista
6 MIN.

“Reputação você constrói fazendo, mas também falando”

Grazielle Parenti, VP de Sustentabilidade da Syngenta, destaca a força da comunicação para potencializar percepção positiva e promover engajamento

Christianne Schmitt

Leia mais
Transparência e conexões com o mercado: o grande desafio para fortalecer a reputação no Ensino Superior
Artigo
3 MIN.

Transparência e conexões com o mercado: o grande desafio para fortalecer a reputação no Ensino Superior

Empregabilidade dos alunos também é influenciada pela credibilidade das instituições

Por Eduardo Capellari
Leia mais
“Transportamos diversidade. Temos que ter a diversidade representada”
Entrevista
5 MIN.

“Transportamos diversidade. Temos que ter a diversidade representada”

Jean Carlo Nogueira, diretor-executivo de Gente e Cultura da Gol, fala sobre integração entre gerações, preparação dos times e lideranças, propósito e o impacto na reputação

Mariana Mondini
Leia mais
Antecipar as mudanças do consumidor é a melhor forma de garantir a reputação, diz CEO da Panvel
Entrevista
5 MIN.

Antecipar as mudanças do consumidor é a melhor forma de garantir a reputação, diz CEO da Panvel

Julio Mottin Neto fala sobre as tendências do varejo, estratégias para fidelizar marcas e gerar conveniência e os desafios de atuar com lojas físicas e canais virtuais

Christianne Schmitt
Leia mais
COMENTÁRIO

Preencha o formulário abaixo para enviar seu comentário:

Confira a opinião de quem já leu este conteúdo:

(nenhum comentário)